TRÂNSITO

Crescem pedidos de indenização por morte em acidentes de trânsito no país

Pedidos de indenizações podem ser feitos até três anos após acidentes

Geral
Indenização | 12/10/2017 10h09

(Foto: Divulgação PRF )
Harri mecanica

Diante de mais um feriadão, dados sobre mortos e mutilados no trânsito preocupam. Depois de quatro anos em queda gradativa, o número de indenizações a famílias de mortos em acidentes de trânsito no primeiro semestre voltou a subir.

Informações divulgadas pela Seguradora Líder, responsável pela operação do seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Dpvat), mostram que foram protocolados 4.165 pedidos a mais nos primeiros seis meses de 2017 do que no mesmo período do ano passado no país, o que representa aumento de 27,5%.

Apesar disso, especialistas fazem ressalvas aos dados do Dpvat, principalmente porque os pedidos de indenizações podem ter sido feitos tempo depois dos acidentes (o prazo é de três anos da data do acidente), ou atrasadas por processos burocráticos ou judiciais.


  


Comentários

ACESSAR SUA CONTA PARA COMENTAR    ou   CADASTRE-SE

Comente esta notícia

Ao enviar seu comentário você concorda com os Termos de Uso deste espaço.


 
Facebook Twitter WhatsApp